Diário Online
Notícias / Te Cuida
ALERTA

Excesso de vitamina C pode prejudicar a saúde. Entenda!

A recomendação diária para o suprimento da vitamina é facilmente atingida com alimentação saudável

quarta-feira, 23/03/2022, 17:56 - Atualizado em 23/03/2022, 17:56 - Autor: Com informações da assessoria

Google News

A pandemia da Covid-19 aumentou o consumo de vitamina C
A pandemia da Covid-19 aumentou o consumo de vitamina C | Reprodução/Freepik

A vitamina C é a mais popular entre as vitaminas e essencial para o funcionamento dos vasos sanguíneos, formação e crescimento de peles, ossos e tecido conjuntivo. Além disso, ela ajuda a manter gengivas e dentes saudáveis, auxilia na absorção de ferro e na formação de glóbulos vermelhos. 

Alimentos como tomate, batata, brócolis, couve, frutas cítricas e pimentões são ótimas fontes desta vitamina, sem contar nas formas de suplementação desse composto. 

Perdas de dentes podem provocar diversos problemas à saúde

Mas, devido a pandemia do coronavírus, o consumo exagerado de suplementos de vitamina C por conta própria tem se tornado frequente, mesmo sem haver evidências de que isso preveniria a infecção e, com isso, tem aumentado o debate a respeito dos benefícios e malefícios desse consumo desenfreado.

De acordo com a nutricionista Danielle Alice Vieira, professora do Centro Universitário Tiradentes (Unit Alagoas), nenhum suplemento deve ser ingerido sem a prescrição de um profissional habilitado.

“Além disso, o consumo de suplementos somente é indicado quando não se consegue atingir as recomendações através da dieta. A recomendação de vitamina C é facilmente atingida com a alimentação, basta ter o consumo regular de frutas, folhosos e vegetais”, adverte.

Colírio a maquiagem: 10 hábitos que prejudicam a visão

A especialista destaca que a dosagem diária de vitamina C recomendada pelos órgãos oficiais varia de acordo com idade e sexo, mas gira em torno de 70 miligramas para a população saudável.

“O excesso pode gerar diarreia, cólica, dor de cabeça, náuseas  e desconforto gastrointestinal. Quando há o consumo de uma mega dose desta vitamina também pode ocasionar o aparecimento de cálculos renais”, alerta.

O consumo em excesso de ácido ascórbico também inibe a ação do anticoagulante Varfarina, aumentando os riscos do surgimento de trombos nos vasos sanguíneos. 

Sofre com dor no joelho? Veja 6 dicas para amenizar

Danielle assinala que alguns grupos de risco que podem ter necessidade da suplementação são idosos e tabagistas ou ainda pacientes enfermos. Mas fica o alerta: mesmo esse grupo precisa de uma avaliação prévia antes de tomar qualquer suplemento.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS