Diário Online
Esporte / Esporte Pará
FORA DE COGITAÇÃO

Paysandu não contrata Esquerdinha e Tauã fica na Portuguesa

O Paysandu continua de olho nos jogadores que podem reforçar o time, mas as negociações sobre o meio-campista Esquerdinha e o volante Tauã desandaram.

quarta-feira, 04/05/2022, 17:57 - Atualizado em 04/05/2022, 18:04 - Autor: Magno Fernandes

Google News

Meia Esquerdinha, em campo, pelo Santa Cruz-PE
Meia Esquerdinha, em campo, pelo Santa Cruz-PE | Rafael Melo/Santa Cruz

O Paysandu continua ativo no mercado da bola e segue a procura de novas contratações, visando fortalecer seu elenco cada vez mais, na busca por melhores resultados na Série C do Campeonato Brasileiro e aumentar suas chances de conquistar seu tão sonhado acesso para a Série B na temporada de 2023.

Após ter anunciado as contratações do atacante Marcelinho e lateral direito Leandro Silva, e o acerto do experiente atacante Pipico, o departamento de futebol alviceleste poderá em breve confirmar a quarta contratação, no qual confirma o número de novos atletas relatados pelo presidente Maurício Ettinger, em entrevista ao DOL, na semana anterior. 

LEIA TAMBÉM:

Novo atacante do Paysandu desembarca em Belém

Paysandu apresenta novo coordenador das categorias de base

Com Henan encabeçando lista, três jogadores deverão ser liberados pelo Paysandu

Nas últimas horas, dois jogadores tiveram seus nomes cogitados em vestir a camisa do Papão. O primeiro foi o volante Tauã, que recentemente foi campeão paulista na Série A-2, vestindo a camisa da Portuguesa de Desportos. Mesmo com tudo praticamente acertado, o staff do atleta informou que a Portuguesa não deverá mais liberar o atleta ao Papão. Com contrato vigente até novembro de 2022, ele deve disputar a Copa da Federação Paulista.

O segundo foi o meia Esquerdinha, que na última terça-feira (3), teve seu vínculo contratual encerrado com o Santa Cruz-PE. O atleta até chegou ter o nome especulado pela imprensa pernambucana para um possível acerto com o time bicolor, no entanto, logo teve sua contratação descartada. Procurado pela reportagem, o executivo de futebol do Paysandu, Fred Gomes, de forma sucinta, disse que "não procede" a negociação. Além do mais, o empresário do atleta revelou que até chegou a conversar com o coordenador técnico Lecheva, mas também afirmou não haver nenhuma negociação.


Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS