Diário Online
Notícias / Mundo-Notícias
VAI UM CAFEZINHO AÍ?

Tomar café pode melhor funções do cérebro, diz estudo

Os cientistas analisaram os efeitos da cafeína nos neurônios e em outras células cerebrais de camundongos

terça-feira, 14/06/2022, 21:02 - Atualizado em 14/06/2022, 20:58 - Autor: Com informações Olhar Digital

Google News

A cafeína pode causar alterações duradouras no cérebro.
A cafeína pode causar alterações duradouras no cérebro. | Reprodução

Tem gente que não consegue começar o dia sem uma boa xícara de café. Seja pelas propriedades estimulantes ou pelo aroma ou pelo sabor, o café é uma das bebidas mais apreciadas no mundo, sendo uma paixão brasileira. No país, são consumidas aproximadamente 839 xícaras da bebida por pessoa, resultando na ingestão de 40 ml por dia da infusão. Esses números mantêm o Brasil como segundo maior consumidor mundial do pretão. 

Uma pesquisa conjunta entre as universidades de Lille e Estrasburgo, ambas na França, demonstrou que hábito de tomar café pela manhã pode deixar marcas profundas no cérebro. Mas calma, não é porque são marcas que elas são coisas negativas, muito pelo contrário.

De acordo com os pesquisadores, uma xícara diária de café pela manhã não só tem efeito despertador nas pessoas, mas também causa melhorias nas funções cognitivas. Os resultados das pesquisas foram publicados no Journal of Clinical Investigation.

Nos testes em animais, os cientistas analisaram os efeitos da cafeína nos neurônios e em outras células cerebrais de camundongos. Para isso, durante duas semanas, os animais foram alimentados com água com infusão de cafeína.

Veja também:


No final deste período, os especialistas analisaram o hipocampo dos roedores. Essa área é uma região do cérebro muito importante para o aprendizado e a memória. Nos roedores que receberam cafeína, houve uma mudança significativa na atividade das células cerebrais.

As cobaias também foram submetidas a algumas tarefas de aprendizagem. Isso permitiu aos cientistas aumentarem a atividade genética de processos importantes, como a formação de memórias, nos camundongos que tomaram café. E esse efeitos foram bastante duradouros, já que novos testes foram feitos duas semanas depois.

Nestes novos testes, a equipe analisou novamente o hipocampo dos camundongos, mesmo depois que eles tinham parado de receber café diariamente. As mudanças permaneceram, o que sugere que a cafeína pode causar alterações duradouras no cérebro.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS