Diário Online
Notícias / Notícias Pará
IMUNIZAÇÃO

Covid: veja onde vacinar as crianças em Belém e Ananindeua

Calendário para 5 a 11 anos começou no sábado e continua hoje no Estado. Belém e Ananindeua priorizam pessoas com deficiências e comorbidades.

segunda-feira, 17/01/2022, 07:43 - Atualizado em 17/01/2022, 08:33 - Autor: Suênia Cardoso / Diário do Pará

Google News

Imagem ilustrativa da notícia: Covid: veja onde vacinar as crianças em Belém e Ananindeua
| Irene Almeida/ Diário do Pará

A vacinação contra a covid-19 em crianças de 5 a 11 anos iniciou no último sábado (15), em Belém, e terá continuidade nas próximas semanas para as pessoas de deficiência e com comorbidades, em postos diferenciados da capital e dos distritos. Belém dará continuidade à vacinação Hoje (17) e amanhã (18).

A primeira dose da vacina Pfizer pediátrica será aplicada, exclusivamente, nas crianças com comorbidades e deficiência nascidas nos anos de 2010, 2011, 2012, 2013, 2014, 2015, 2016 e nos nascidos até o dia 18 de janeiro de 2017 (5 a 11 anos completos). A meta é vacinar de 5 a 7 mil crianças dentro desse grupo prioritário.

Serão disponibilizados pela Secretaria Municipal de Saúde (Sesma) 17 pontos de vacinação exclusivos para a imunização das crianças. Os postos funcionarão das 9h às 17h. Belém recebeu 12.500 doses das vacinas da Pfizer nesta primeira remessa, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (Sesma). Ao todo, 141.642 crianças estão aptas a receber a vacina contra a covid-19 na capital. Veja onde vacinar:

Pontos de vacinação exclusivo para o  atendimento de crianças (adolescentes e adultos não serão atendidos nesses pontos nos dias exclusivos para atendimento de crianças de 05 a 11 anos):

1. Boulevard Shopping Belém - Estacionamento G6. Av. Visconde de Souza Franco, 776. Reduto;

2. Cassazum. Tv. Perebebuí, 2042, Pedreira;

3. CCBS-UEPA, esquina da Perebebuí com Almirante Barroso;

4. Escola de Enfermagem da UEPA. Avenida José Bonifácio, nº 1289, bairro do Guamá;

5. Faculdade Cosmopolita. Avenida Tavares Bastos 1313, Marambaia;

6. FIBRA. Avenida Gentil Bittencourt, nº 1144, bairro de Nazaré;

7. FUNBOSQUE. Avenida Nossa Senhora da Conceição, Distrito de Outeiro;

8. Ginásio Mangueirinho. Avenida Augusto Montenegro, nº 524, bairro do Mangueirão;

9. Icoaraci. Escola Liceu de Artes e Ofícios Mestre Raimundo Cardoso. Tv. dos Andradas, 1110 - Ponta

Grossa;

10. Icoaraci. SEST SENAT. Av. Augusto Montenegro, 765 - Águas Negras

11. IT Center. Av. Senador Lemos, 3153, bairro da Sacramenta;

12. Mosqueiro. Casa de Endemias de Mosqueiro, Rua Francelina Santos (rua da bateria), Farol;

13. Mosqueiro. E.M.E.F. Desembargador Maroja Neto. Estr. do São Francisco, s/n - São Francisco;

14. Shopping Bosque Grão-Pará, entrada de carros exclusivo pelo acesso do Condomínio Cidade Cristal (acesso D) e entrada de pedestres pelo acesso da Rodovia dos Trabalhadores (acesso G);

15. Unidade de Referência Especializada Materno Infantil e Adolescente - Uremia, Av. Alcindo Cacela, 1421 – Umarizal;

16. Unifamaz, Av. Visc. de Souza Franco, 72 – Reduto;

17. Universidade Federal do Pará (Mirante do Rio/UFPA - Campus Guamá), situado no Campus Universitário Guamá – Av. Perimetral (entrada 3º Portão) em frente ao Terminal de Ônibus. 

A comprovação da deficiência ou da comorbidade pode ser feita pela apresentação de cópia de um dos seguintes documentos: laudo médico; cartões de gratuidade no transporte público que indiquem condição de deficiência; carteira APPD; comprovante do BPC; documentos comprobatórios de atendimento em centros de reabilitação ou unidades especializadas no atendimento de pessoas com deficiência; documento oficial de identidade com a indicação da deficiência ou qualquer outro documento que indique se tratar de pessoa com deficiência e que será retido no ponto de vacinação.

Covid-19 e gripe: Colégio Gentil suspende início das aulas

Belém: veja que crianças vacinam e locais de aplicação

A expectativa, para muitos pais, de ver seus filhos vacinados, é grande. A funcionária pública Íris Barbosa, 41 anos, mãe de dois filhos, Iuri, de 8, e o Igor, de 5, diz que conta as horas para vê-los imunizados. “Assim que abrir para o grupo deles, vamos levá-los para se vacinarem. Estamos atentos ao calendário. Em casa, não sabemos se tivemos covid, não temos total certeza, apesar de o meu marido ter adoecido no pico da pandemia”, contou ela. Na família, tanto o esposo Edson, quanto ela já tomaram todas as doses da vacina.

Com o filho Arthur, 8, o gerente comercial Bruno Guimarães, 33, relatou que assim que liberarem para a criança, certamente, irá vaciná-lo. “Geralmente, a minha esposa é quem fica atenta ao calendário e vamos ficar aguardando a vez do nosso filho. Todos os adultos de casa já completaram o esquema vacinal e queremos que ele também esteja imune contra a doença”.

Acompanhada da tia Rosemary Soares, 33, e da prima Maria Alice, de 5, a pequena Sofia, 9, disse que quer logo se vacinar para sair mais de casa. “Já estou ansiosa. Vou falar para minha mãe para eu tomar assim que deixarem”, contou. A tia também confirmou que as crianças estão ansiosas pelo imunizante. “É importante elas serem vacinadas, mesmo porque elas vão voltar para a escola e esse é mais um cuidado com a saúde. Estamos esperando por esse momento”.

ANANINDEUA

A vacinação em Ananindeua também começou no sábado (15). Ao todo, 3.280 doses do imunizante foram enviadas ao município, que neste primeiro momento serão administradas em crianças com 11 anos completos, que tenham deficiência permanente ou comorbidades, além das crianças na mesma faixa etária de 11 anos, indígenas ou quilombolas. Para atender este público-alvo, a gestão municipal disponibilizou onze pontos de vacinação, que vão funcionar das 08h às 12h30. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) , o município de Ananindeua possui 59.440 crianças na faixa etária de 05 a 11 anos.

Veja onde adultos e crianças podem se vacinar em Ananindeua!

Os documentos necessários são: Certidão de Nascimento, Cartão SUS ou CPF da criança, Laudo médico comprovando a comorbidade e RG do responsável. Os pais ou responsáveis devem estar presentes manifestando sua concordância com a vacinação. Em caso de ausência de pais ou responsáveis, a vacinação deverá ser autorizada por um termo de assentimento por escrito.

Locais de vacinação:

Bairro Águas Lindas

- CREI Irmã Dulce.

Endereço: Rua Osvaldo Cruz.

Conjunto Júlia Seffer

-CREI Ana Lúcia.

Endereço: Rua 03 do conjunto Júlia Seffer.

Bairro Guanabara

- UEI Irmã Nair. 

Endereço: Rua Parabor, s/n, Guanabara.

Bairro Distrito Industrial

- EMEF Maria Emília Antunes. 

Endereço: Primeira Rua Rural.

Bairro Paar

- EMEIF Núcleo de Estudos Oliveira.

Endereço: Conjunto Paar, Travessa Amatuara, Q 42, n° 2.

Conjunto Cidade Nova II

- Igreja Labaredas de Fogo.

Endereço: Tv. We 16, cidade nova II, n° 17.

Bairro Icuí

- Usina da Paz ICUI. Endereço: Estrada do Icuí-Guajará, com Avenida Independência.

Bairro Jaderlândia

-EMEF Nova República. Endereço: Nova República, n° 167.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS