Diário Online
Notícias / Notícias Pará
SALINÓPOLIS

Lixo nas praias ameaça reprodução de tartarugas marinhas

Os resíduos deixado pelos banhistas nas praias de Salinópolis estão sendo levados, pela maré, para outras praias e ilhas, ameaçando várias espécies marinhas.

terça-feira, 19/07/2022, 16:01 - Atualizado em 19/07/2022, 15:59 - Autor: Denilson d'Almeida

Google News

A praia da Marieta (Maracanã) fica próxima a Salinópolis e é uma área de preservação ambiental.
A praia da Marieta (Maracanã) fica próxima a Salinópolis e é uma área de preservação ambiental. | Reprodução/Google Maps
"> A praia da Marieta (Maracanã) fica próxima a Salinópolis e é uma área de preservação ambiental.
A praia da Marieta (Maracanã) fica próxima a Salinópolis e é uma área de preservação ambiental. Reprodução/Google Maps
"> A praia da Marieta é um santuário ecológico e berçario para reprodução de várias espécies.
A praia da Marieta é um santuário ecológico e berçario para reprodução de várias espécies. ( Reprodução )
">
( Reprodução )
"> Praia da Marieta, em Maracanã
Praia da Marieta, em Maracanã ( Reprodução )
"> As praias de Salinópolis amanheceram tomadas pela sujeira deixada por veranistas
As praias de Salinópolis amanheceram tomadas pela sujeira deixada por veranistas ( Reprodução )
"> Lixo nas praias atrapalha a reprodução de tartarugas marinhas
Lixo nas praias atrapalha a reprodução de tartarugas marinhas Denilson d'Almeida

No início desta semana, fotos e vídeos da sujeira que foi deixada pelos veranistas nas praias de Salinópolis viralizaram nas redes sociais e o problema tem preocupado pesquisadores e ambientalistas. Plásticos, vidros, latinhas e restos de comida ficam espalhados por uma extensa faixa de areia. Situação que se repete a cada ano, principalmente, durante as férias escolares e em feriados prolongados, quando Salinas recebe uma grande quantidade de turistas.

 

As praias de Salinópolis amanheceram tomadas pela sujeira deixada por veranistas
As praias de Salinópolis amanheceram tomadas pela sujeira deixada por veranistas | ( Reprodução )
 

O DOL solicitou, por e-mail, informações à Prefeitura de Salinópolis sobre a quantidade (em quilos/toneladas) de resíduos que foram recolhidas das praias e, também, perguntou sobre as medidas que serão tomadas para minimizar o problema. Ainda aguardamos a resposta.

Outra pergunta que tem sido feita é "para onde vai toda a sujeira que não é recolhida das praias? As respostas não são nada boas - como já se sabe!. Contudo, antes de dizer alguns dos caminhos deste lixo, é importante lembrar que as tartarugas marinhas estão no período de reprodução – inclusive Salinópolis é um dos berçários onde as fêmeas fazem seus ninhos depositando ovos na areia.

Tartaruga gigante é encontrada por pescadores em Salinas

A reprodução ocorre até meados de setembro. Porém, o que muitas pessoas não sabem, é que as tartarugas e outros animais marinhos correm risco de vida devido os resíduos deixados nas praias e que são levados pela maré para o local.

Recentemente, pescadores e frequentadores da quase deserta praia da Marieta, no município de Maracanã, começaram a observar o aparecimento de uma grande quantidade de resíduos ao longo da faixa de areia. São garrafas, latinhas de cerveja e refrigerante e plásticos que os visitantes acreditam terem sidos arrastados pelas correntes marinhas de Salinópolis para lá.

 

A praia da Marieta é um santuário ecológico e berçario para reprodução de várias espécies.
A praia da Marieta é um santuário ecológico e berçario para reprodução de várias espécies. | ( Reprodução )
 

Ocorre que a praia da Marieta é uma área de preservação ambiental e santuário ecológico que favorece a reprodução de várias espécies de aves e, também, de tartarugas marinhas. Atualmente, o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) monitora os ninhos de tartarugas neste ambiente.

Acessando o Google Maps é possível constatar que a distância entre Salinas e a Marieta é curta – tanto é que alguns turistas costumam ir de barco de Salinópolis para esta praia, em busca de uma aventura diferente.

 

A praia da Marieta (Maracanã) fica próxima a Salinópolis e é uma área de preservação ambiental.
A praia da Marieta (Maracanã) fica próxima a Salinópolis e é uma área de preservação ambiental. | Reprodução/Google Maps
 

A situação tem preocupado pesquisadores da Universidade Federal do Pará (UFPA), que trabalham com o monitoramento de tartarugas marinhas na região do salgado paraense. Sem poder dar entrevista, alguns destes pesquisadores relataram que os resíduos tem atrapalhado, inclusive, no trabalho de procura e identificação dos ninhos.

 

Lixo nas praias atrapalha a reprodução de tartarugas marinhas
Lixo nas praias atrapalha a reprodução de tartarugas marinhas | Denilson d'Almeida
 

Vídeo: Filhotes de tartarugas marinhas são soltos em praia de Salinas

A reportagem solicitou informações para a Prefeitura de Maracanã sobre esse surgimento de resíduos na praia da Marieta e, também, perguntou se já está sendo realizada alguma ação por parte da Secretaria Municipal de Meio Ambiente para solucionar o problema.

O DOL também solicitou um posicionamento ao ICMBio sobre a sujeira na praia da Marieta e sobre as medidas que o órgão irá tomar e aguarda retorno.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
Exibir mais comentários
MAISACESSADAS